O que é leitura – aula 01

O que é leitura???

O ato de ler geralmente é relacionado com a escrita, e o leitor visto como decodificador da letra.

Mas é só isso? Basta decifrar palavras para acontecer a leitura?

Como explicar expressões de uso corrente como, por exemplo, “fazer a leitura” de um gesto? Ler a mão?

Se alguém na rua me dá um encontrão… minha reação é uma leitura ou não?

Mais uma pergunta: a leitura é única? Sempre será igual? Toda vez que ler alguma coisa vou interpretar sempre do mesmo jeito?

* Todo ato será lido sempre da mesma forma?

Com o tempo as coisas não fazem sentido diferente para nós? Passamos a enxergar sob um novo ângulo…

Com o tempo se descobre o sentido, um novo modo de ver a mesma coisa… É quase como se fosse uma revelação.

Com freqüência nos contentamos, por economia ou preguiça, em ler superficialmente, “passar os olhos”, como se diz.

Não acrescentamos ao ato de ler algo mais de nós além do gesto mecânico de decifrar os sinais.

Interessante é que geralmente reagimos assim ao que não nos interessa no momento – um discurso político, uma conversa, uma aula expositiva, um quadro, um livro uma música…

A tendência natural é ignorar, rejeitar como nada tendo a ver com a gente.

O problema é que quando não lemos, não o compreendemos, torna-se impossível dar um sentido aquilo… porque diz muito pouco – ou nada – para nós.

COMO E QUANDO COMEÇAMOS A LER
Desde os nossos primeiros contatos com o mundo – tão logo nascemos – começamos a ler. Como isso acontece?

É neste contato com o mundo externo que começamos a compreender, a dar sentido ao que e a quem nos cerca. Esses são também os primeiros passamos para aprender a ler.

Para entender melhor essa idéia, Paulo Freire diz o seguinte: “ninguém educa ninguém, como tampouco ninguém se de educa a si mesmo: os homens se educam em comunhão, mediatizados pelo mundo”.

Na prática, ninguém ensina ninguém a ler; o aprendizado é solitário – embora se desencadeie e se desenvolva na convivência com o mundo.

Isso quer dizer que, mesmo precisando dos professores, temos condições de fazer uma série de coisas sozinhos.

Na prática, aprendemos a ler lendo. Maria Helena Martins diz que “vivendo” – ou seja, depende do quê lê – do que experimenta na relação com o mundo.

Aprendizado do Tarzan…

Aprendizado de Jean Paul Sarte…

Embora o aprendizado, o desenvolvimento da capacidade de leitura possa ser algo mais complexo, ambas experiências evidenciam a curiosidade se transformando em necessidade e esforço para alimentar o imaginário. Ou seja, a necessidade de desvendar os segredos do mundo e dar a conhecer o leitor a si mesmo através do que lê e como lê.

Muito da nossa capacidade de leitura se dá pela motivação em ler. O que quero dizer com isso?

* Algo muito simples: quando começamos a organizar os conhecimentos adquiridos, a partir das situações reais, coisas que a realidade nos impõe, procuramos estabelecer conexão com as experiências e a tentar resolver os problemas apresentados.
(exemplo: teoria no Jornalismo X prática profissional – problema é que hoje para estar no mercado muitos precisam ter um mestrado, um doutorado).

Continuando…
O ato de ler e escrever têm sido valorizados. Entretanto, muitas vezes têm se transformado num instrumento de poder pelos dominadores – mas também pode vir a ser a liberação dos dominados.

Muitos não querem desenvolver a capacidade de uma leitura crítica, racional. Preferem o comodismo. Acham melhor não entender, por isso significa um ruptura com a passividade – talvez por lhe causar maiores frustrações em face da realidade.

O problema é que o não querer ler, vem ao encontro dos interesses das minorias dominantes.

Conteúdo extraído do livro O que é leitura (Maria Helena Martins)

About these ads

8 comentários sobre “O que é leitura – aula 01

  1. leitura e uma arte de aumentar conhecimento.
    E e uma ginastica celebral e uma lavegem mental para por acabeca do hemem pensar diferente,

  2. Gostei, adoro o escritor Paulo Freire e suas idéias estou citando ele em meu artigo da faculdade no qual defendo a literatura infantil e sua importância na pré-escola.
    Quanto mais cedo a criança ter acessibilidade com o mundo da leitura irá ter autonomia mais rápido e liberdade de expressão, irá ser um cidadão crítico e questionador, desenvolvendo um bom senso para as questões de ordem de toda natureza.

  3. A temática leitura dependendo do caminho que vc segue te leva a várias possibilidades, infelizmente, “não temos” o hábito de lê. O Brasil tornará um país melhor a partir do momento em que a leitura ocupar lugar de destaque na vida das pessoas.
    Defendi a teses sobre as etapas de leituras, pois me intrigava o processo de aprendizado de leitura, o aprendizado só acontece se o sujeito estiver interessado em aprender.

  4. O livro de Maria Helena Martins >O que é leitura< define perfeitamente bem o que é a leitura.
    Eu através desse cronograma obtive uma definição:
    A leitura nos leva além de: ver, pensar, expressar e sentir, é viajar em todos os aspectos.
    O hábito da leitura nos faz enxergar sob um novo ângulo, com o tempo se descobre um novo sentido, um novo modo de ver as palavras, é nesse momento que mergulhamos em nossos pensamentos e adquirimos novos conhecimentos.
    "Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não lêem." (Mario Quintana).

  5. Eu concordo plenamente contigo em gênero, número e grau.
    Minha TCC tratava de leitura e alguns de seus argumentos sobre leitura são compatíveis com os meus, que inseri em minha monografia e que enriqueceram minha pesquisa.
    Parabéns pelo seu trabalho.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s